Estudo do caso: Tendências pedagógicas na educação - Clube EaD

Estudo do caso: Tendências pedagógicas na educação

tradicionais? Progressistas? Democráticos? Tinham posicionamento crítico e libertador, ou eram autoritários?


Considerando sua trajetória pessoal como estudante, tente se lembrar como eram seus professores. Você diria que eram tradicionais? Progressistas? Democráticos? Tinham posicionamento crítico e libertador, ou eram autoritários? E os professores A e B apresentados? Qual é a tendência educacional de cada um deles? Por quê? 


O trabalho docente e as práticas pedagógicas de modo geral refletem em boa medida as concepções, valores e crenças dos educadores. Isso equivale a dizer que não existe neutralidade no trabalho pedagógico. Diante dessa perspectiva, considere a seguinte situação: Numa escola localizada em região urbana de uma capital brasileira, dois professores conversam sobre suas práticas e “estilos” pedagógicos. O professor A comenta que não tolera conversas paralelas de seus alunos, nem em suas mínimas manifestações. Que não estudou tanto para ser interrompido enquanto explica e, por isso, exige silêncio total durante a aula. Argumenta que seus certificados e trajetória lhes garantem a autoridade em sua área, e que seus conhecimentos precisam ser assimilados. Cabe aos seus alunos ouvirem a assimilarem, se quiserem ser alguém na vida. O Professor B ouve pacientemente e depois pondera que, na atualidade, com tantas informações disponíveis, os professores precisam dialogar e aprender com seus alunos, levando em conta o contexto onde eles estão inseridos. Que em suas aulas, prefere o trabalho em grupos, (apesar da aparente bagunça), com aulas problematizadoras, diálogos e debates, que visam além da aprendizagem dos conteúdos, o desenvolvimento da criticidade, onde os alunos tomam consciência da realidade afim de transformar o meio social, portanto a educação também se constitui em um processo de emancipação do ser humano. Justifica sua postura por entender que o conhecimento se constrói coletivamente e que alunos e professores são sujeitos no processo de aprendizagem, em uma relação de horizontalidade. No fim da conversa, cada qual parece permanecer convencido de que estão no caminho certo. Diante dessa situação, pesquise sobre a Tendência Pedagógica Tradicional e a Tendência Pedagógica Progressista. Em seguida, classifique/conceitue o trabalho e o posicionamento dos dois professores. É importante que você justifique sua classificação. 

QUESTÃO ORIENTADORA

Considerando sua trajetória pessoal como estudante, tente se lembrar como eram seus professores. Você diria que eram tradicionais? Progressistas? Democráticos? Tinham posicionamento crítico e libertador, ou eram autoritários? E os professores A e B apresentados? Qual é a tendência educacional de cada um deles? Por quê? 

Meus professores eram tradicionais , o conteúdo ensinado tinha ênfase na memorização,quantitativo. Eram bem autoritários seguia as regram, enquanto aluno era submisso , não podia conversar, praticamente era só prestar atenção no conteúdo ensinado .


O professor A parece ser bem autoritário como podemos perceber no dialogo entre os dois professores, que o professor A não aceita que seus alunos converse que esteja sempre focado no conteúdo que esta passando sem que aja um dialogo uma maior interação, enquanto o professor B e democrático, tem toda a atenção voltada para os interesse dos alunos, não os trata como simples receptores mas como colaboradores

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exercício Provinha Brasil 2º Ano

Confira alguma atividades Provinha Brasil para o 2º ano ensino fundamental. Exercícios de Matemática